Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal

Skip Navigation Linksindex

Aqui dizemos "uai"!
É o jeito mineiro de se espantar, de questionar, de se alegrar e de receber. Uai, você chegou? Uai, mas que alegria! Vamos experimentar um pão de queijo! De minas para o mundo... E do mundo para minas. Queremos ser porta de entrada e de saída, com nosso jeito BH Airport de ser e atender.
O mundo se abre para você. Minas se abre para o mundo.

  • 32° 26°

Exelência na prestação de serviços

A BH Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de BH, vem escrevendo uma nova página na história de Belo Horizonte, do estado de Minas Gerais e do Brasil.

Ao inaugurar o novo terminal de passageiros em dezembro de 2016, a concessionária buscava consolidar o Aeroporto como um dos principais em operação no Brasil e a principal porta de entrada e saída de passageiros no estado. Isso vem se consolidando cada vez mais com a capacidade de movimentação que foi ampliada para 22 milhões de passageiros por ano. Nos primeiros dez anos de concessão, a BH Airport pretende investir cerca r$ 1,5 bilhão na modernização da infraestrutura do Aeroporto e, ao longo dos 30 anos do contrato, a previsão é que a movimentação do Aeroporto alcance 43 milhões de passageiros anualmente. Em 2016, embarcaram e desembarcaram no Aeroporto 9,6 milhões de passageiros.

A BH Airport é uma sociedade de propósito específico (SPE) formada pelo grupo CCR, uma das maiores companhias de concessão de infraestrutura da América Latina, e por Zurich Airport, operador do aeroporto de Zurich, o principal hub aéreo da Suíça e considerado um dos melhores aeroportos do mundo, além da Infraero, estatal com experiência de mais de 40 anos na gestão de aeroportos no Brasil, que tem 49% de participação.

Propósito da BH Airport

Proporcionar a melhor experiência em aeroportos no Brasil, valorizando a cultura mineira, sendo a melhor escolha das companhias aéreas e gerando retorno sustentável.

Programa de integridade da BH Airport

A BH Airport consolida as suas ações em gestão da ética e compliance no programa de integridade.

Passado

A história do Aeroporto Internacional Tancredo Neves começa nos anos 1970. À época, a capital mineira contava apenas com o Aeroporto da Pampulha, construído em 1933 e que já operava com limitações operacionais. A demanda por um aeroporto de nível internacional levou o Ministério da Aeronáutica, em parceria com o Governo do Estado, a iniciar os estudos de viabilidade técnica para a construção do "Aeroporto Metropolitano de Belo Horizonte".

A conclusão dos estudos realizados indicou uma área localizada nos municípios de Lagoa Santa/Confins, como a mais recomendada para receber o novo empreendimento por contar com excepcionais condições meteorológicas e topográficas.

1978 O governador Aureliano Chaves publica o Decreto Nº 19.273, que declara de utilidade pública áreas necessárias à implantação do "Aeroporto Metropolitano de Belo-Horizonte".

1980 O AEROPORTO QUE OS MINEIROS TANTO SONHAVAM TORNA-SE REALIDADE. Iniciam-se as obras do Aeroporto de Confins pelo Consórcio Andrade Gutierrez-Mendes Júnior.

1982 Em 15 de julho, a pista é inaugurada com o pouso do avião Bandeirante, trazendo do Aeroporto da Pampulha o governador Francelino Pereira, e os ministros Eliseu Resende, dos Transportes, e Délio Jardim de Mattos, da Aeronáutica.

1982 Em 10 de novembro, o primeiro voo comercial, da extinta companhia aérea Vasp, pousa em Confins proveniente de São Paulo.

1983 Às 10h30 do dia 25 de março, o Aeroporto recebe seu primeiro voo internacional de carga aérea. O Boeing 707-323C da Varig, procedente de Roma, traz a bordo 35 toneladas de equipamentos importados da Itália destinados ao "novo" aeroporto.

1984

O Aeroporto recebe o primeiro voo regular de passageiros. O Boeing 737 da extinta Vasp transportou passageiros de Belo Horizonte para Brasília e conexões para Goiânia e Cuiabá.

Em Março o Aeroporto é inaugurado oficialmente.

Em Julho é realizado o primeiro voo internacional, da extinta Varig, sem escalas, com destino a Miami.

1986 Por meio da lei Federal Nº 7.534, passa a se chamar Aeroporto Internacional Tancredo Neves.

1990

INICIAM-SE AS ROTAS REGULARES INTERNACIONAIS.

Inaugurada a primeira ligação internacional regular.

A Lloyd Aéreo Boliviano inicia as operações com um voo entre Belo Horizonte e Santa Cruz da La Sierra.

1993 A companhia área uruguaia Pluna inaugura a rota Montevidéu - Belo Horizonte.

1994 Iniciada pela American Airlines a rota Miami - Guarulhos - BH.

1995 A United Airlines lança a primeira rota regular sem escalas entre Belo Horizonte e os Estados Unidos: BH - Miami.

2000 O Aeroporto recebe os voos transferidos do Aeroporto da Pampulha e inicia seu ciclo de crescimento.

2005 O Aeroporto começa a receber os novos voos da GOL, TAM, Varig e OceanAir.

2006 A Gol inaugura na área do Aeroporto seu Centro de Manutenção de Aeronaves - o maior e mais avançado complexo tecnológico do gênero na América Latina.

TAM e GOL inauguram rotas internacionais para Buenos Aires, com escalas em São Paulo e Rio de Janeiro.

2007 O Aeroporto ultrapassa a movimentação de 2 milhões de passageiros.

2008 A TAP inicia a rota BH - Lisboa.

A Copa Airlines inicia a rota BH - Panamá.

2010

Azul, Trip e Webjet inauguram voos para Belém, Porto Velho, Manaus, Rio Branco, Ribeirão Preto, Navegantes, além de outros destinos nunca antes operados a partir de Belo Horizonte, como Fortaleza, Maceió e Porto Alegre.

2013

O grupo Aerolíneas Argentinas inicia a operação de voo diário para Buenos.

O Governo Federal promove o leilão para a concessão do Aeroporto Internacional Tancredo Neves. O consórcio AeroBrasil, composto pelo grupo CCR, Munich Airport e Zurich Airport, foi o vencedor.

2014

7 de Abril - Nasce a BH Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte. O Aeroporto é oficialmente concedido à iniciativa privada. A concessionária, formada pelo grupo CCR, Zurich Airport e Infraero, assina contrato de concessão para ampliação, manutenção e exploração do Aeroporto por 30 anos.

7 de Maio a 1º de Junho - Estágio 1 da Transição da Operação. A concessionária lança e executa os Planos de Ações Imediatas e de Transição Operacional

2 de Junho a 11 de Agosto - Estágio 2 da Transição da Operação. A concessionária começa a acompanhar a gestão da Infraero, ainda responsável pela operação e gestão das receitas e despesas.

2014

11 de Agosto - É apresentado o Plano de Melhorias da Infraestrutura (PMI).

12 de Agosto a 11 de Janeiro de 2015 - Estágio 3 da Transição, a Operação Assistida. A Concessionária assume a operação, a gestão de receitas e despesas, e a Infraero disponibiliza seus colaboradores à BH Airport.

2014

Setembro de 2014 - O Aeroporto Internacional Tancredo Neves vence as categorias Controle Migratório e Voto Popular "Apoio ao Turista", do Prêmio Boa Viagem Copa do Mundo Fifa 2014, promovido pela Secretaria de Aviação Civil (SAC) da Presidência da República.

2015

12 de Janeiro - A BH Airport assume integralmente a gestão e a operação do Aeroporto Internacional Tancredo Neves.

8 de Abril - O Aeroporto Internacional Tancredo Neves foi o vencedor na categoria "Serviço Público mais eficiente" no prêmio "Aeroportos + Brasil - quem escolhe é o passageiro", promovido pela Secretaria de Aviação Civil (SAC) da Presidência da República.

2015

Janeiro a Julho - A BH Airport realiza diversas melhorias na infraestrutura do aeroporto e aumenta o mix de lojas e serviços.

2015

Agosto: Os voos internacionais são transferidos para o Terminal 3.

2015

Setembro: A BH Airport inicia as obras de seu principal projeto de curto prazo. O Terminal de Passageiros 2, que se integrará ao Terminal principal e irá dobrar a capacidade do Aeroporto para 22 milhões de passageiros por ano.

2016

A BH Airport, inaugurou no dia 6 de dezembro seu novo Terminal de Passageiros, que passou a oferecer infraestrutura capaz de atrair novos voos, tanto domésticos como internacionais, e elevou a qualidade de atendimento aos passageiros, com mais espaço, conforto e novas opções de serviços. O Aeroporto Internacional de BH passou a ter capacidade para processar 22 milhões de passageiros por ano.

Futuro

Expansão e melhorias conforme estudo de demanda.