Compromisso com a educação e a cultura

A BH Airport está comprometida com o desenvolvimento socioeconômico da região do entorno do Aeroporto Internacional Tancredo Neves.

Por isso, a concessionária apoia projetos que estimulam a divulgação da cultura e da educação para as comunidades vizinhas do aeroporto.

Confira alguns projetos apoiados pela BH Airport:

Minas de Sonhos

O Minas de Sonhos é destinado a adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Por isso, explora atividades socioeducativas, culturais, recreativas e esportivas, visando ao exercício da cidadania, a educação para valores, a saúde e a qualidade de vida.

Além disso, o projeto oferece cursos de capacitação profissional nas áreas da informática, arte culinária, artesanato em geral e atendimento ao cliente.

Todas essas ações têm como foco a geração de renda e a preparação para o mercado de trabalho.

Aproximadamente 120 jovens dos municípios de Confins, Pedro Leopoldo, Lagoa Santa e Matozinhos passam pelo Minas de Sonhos todos os anos.

Minas dos Sonhos

BuZum!

O Ministério da Cultura e o Grupo CCR, por meio da BH Airport, patrocinam a Companhia de Teatro Itinerante BuZum!. Com uma abordagem lúdica e educativa, os atores se apresentam em um ônibus - um verdadeiro teatro sobre rodas, equipado com palco, iluminação, ar-condicionado e espaço para a plateia com capacidade para até 55 espectadores por sessão.

Para ampliar o conhecimento dos temas dos espetáculos, os educadores recebem um material didático para trabalhar em sala de aula. As crianças ainda recebem um 'kit teatrinho' para aprofundarem a arte de interpretar.

O Buzum! é voltado aos alunos de 6 a 11 anos do Ensino Infantil e Fundamental.

Os municípios de Confins, Lagoa Santa, Pedro Leopoldo, Vespasiano e Matozinhos já foram visitados pelo projeto.

 Buzum 

 Buzum

Cine em Cena

O projeto é uma sala de cinema itinerante, nos moldes do antigo Cine Tela Brasil, da Buriti Filmes. Coordenado pela Ibirajá Produções, o Cine em Cena exibe filmes nacionais e internacionais gratuitamente em periferias e cidades com acesso restrito aos dispositivos e eventos relacionados às atividades culturais.

A sala itinerante permanece por três dias em cada cidade e realiza quatro sessões por dia, para 225 espectadores por sessão, entre crianças e adultos.

O projeto permite o relacionamento com o poder público por meio de parcerias com as Secretarias Municipais de Educação e de Cultura, além de escolas da rede pública.

O Cine em Cena também conta com o patrocínio do Grupo CCR.